Estrias no Pós-Parto

São vários os factores que contribuem para o aparecimento das estrias após o parto. Durante a gravidez, a pele da barriga tem pela frente a dura tarefa de esticar até dez vezes o seu tamanho normal para poder albergar o feto Ao considerável estiramento a que é submetida a pele, junta-se o aumento da secreção hormonal que inibe a formação de fibroblastos responsáveis directos pela firmeza e tensão da pele e como se isto ainda fosse pouco, muitos dos ingredientes presentes na derme são consumidos pelo feto, deixando a pele da mulher com baixas defesas naturais para enfrentar mudanças. Por isso, não é de estranhar que as fibras elásticas se rompam dando lugar ao aparecimento das inestéticas cicatrizes.

Tratamentos recomendados:

  • VelaShape
  • Carboxiterapia
  • Microdermoabrasão
Desenvolvido por MediaTrust