Medicina Tradicional Chinesa

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) é uma prática milenar, com mais de 3.000 anos de história. A experiência recolhida ao longo dos séculos confirma que a MTC é uma prática segura, amplamente testada e com resultados comprovados. Caracteriza-se por possuir um sistema único para o tratamento de doenças, baseia-se numa compreensão holística do corpo humano e enraíza na filosofia Taoísta.

A MTC é usada para restaurar e manter a harmonia e equilíbrio do corpo humano como um todo, nas suas componentes física, mental e emocional, sendo muito eficaz em numerosas situações clínicas, quer sejam simples ou complexas, recentes ou antigas.

Numa consulta, a cargo da Dra. Sofia Cerdeira, é efectuado um diagnóstico à luz da MTC e é definido um princípio de tratamento que visa, por um lado, eliminar queixas e sintomas e, por outro, tratar as causas que estão na sua origem. A resolução da sintomatologia traz conforto e bem-estar ao doente, e pretende-se que seja eficaz e rápida. O tratamento das causas permite retomar o equilíbrio, recuperar a saúde e prevenir recidivas, e pretende-se que seja eficaz e duradouro.

Segundo a MTC, o nosso corpo possui um sistema interno de “meridianos”, que são canais onde circula a energia – “Qi” – e que têm relação directa ou indirecta com todos os órgãos internos – “zang-fu”. Ao longo do seu trajecto, os meridianos apresentam pontos específicos com funções bem determinadas – “pontos de acupunctura” – que podem ser usados selectivamente, de acordo com a acção desejada e os resultados pretendidos para cada situação.

As perturbações e os desequilíbrios do ”Qi” são responsáveis pelos efeitos sentidos na nossa saúde, alterações do nosso bem-estar ou mesmo situações de doença. A MTC procura que cada indivíduo tenha capacidade para desempenhar a sua vida normal, sem sentir limitações físicas, mentais ou emocionais, ao pleno desenvolvimento das suas actividades presentes e futuras.

A MTC é eficaz no tratamento, na manutenção e na prevenção:

  • Trata – quando existe doença ou estados de desequilíbrio;
  • Mantém e Prolonga – a saúde, o equilíbrio e o bem-estar;
  • Previne – recidivas ou recorrências de situações clínicas indesejáveis que possam ser antecipadas.

Devido às características da sociedade e estilo de vida da actualidade, a MTC tem sido cada vez mais procurada, para crianças, adultos e idosos, pela sua eficácia no tratamento de:

  • Ansiedade, Angústia, Asma e problemas respiratórios, Bronquite, Cansaço, Cefaleias, Ciática, Depressão, Desânimo, Dificuldades de locomoção, Dores articulares, Dor cervical, Dor dorsal, Dor lombar, Dores reumatismais (ossos, músculos e articulações), Dores traumáticas, Enurese nocturna, Enxaquecas, Fadiga, Infecções de repetição, Insónia, Irritabilidade, Medos e fobias, Obstipação, Paralesias faciais, Problemas de memória e concentração, Sequelas de AVC, Stress, Tinitus (zumbidos), Tremor, Vertigens, Vitiligo e problemas de pele.

As seguintes terapias fazem parte integrante da MTC e podem usar-se separadamente ou associadas:

  • Acupunctura (usam-se agulhas especiais, extremamente finas, esterilizadas e descartáveis, que são aplicadas nos pontos de acupunctura seleccionados).
  • Moxabustão (usa-se um charuto de moxa, de “Artemísia vulgaris”, que aquece os pontos de acupunctura ou a região afectada, e serve para reforçar determinados tratamentos de acupunctura, tendo uma acção de aquecimento e desbloqueio
  • TuiNa (trata-se de uma massagem terapêutica chinesa, também designada por “acupunctura com os dedos” e é profundamente harmonizante; não usa agulhas)
  • Fitoterapia Chinesa (produtos fitoterapêuticos, na forma de gotas, cápsulas ou comprimidos, formulados segundo os princípios da MTC e cuja composição consiste em extractos de plantas e componentes de origem vegetal).

A Medicina Tradicional Chinesa está reconhecida pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e, em 2010, Acupunctura e Moxibustão, foram consideradas Património da Humanidade e incluídas na “Representative List of the Intangible Cultural Heritage of Humanity” da UNESCO.

Nota: Os materiais usados são apropriados e descartáveis (não são reutilizados).

Desenvolvido por MediaTrust